terça-feira, 11 de novembro de 2008

O desespero do Figueirense

Jovens do figueirense comemorando a Copa São Paulo de 2008.


Vencer a Copa São Paulo de futebol júnior dá perspectiva de um bom futuro, com jogadores vindos da base, certo? Isso depende, se você não os utiliza, isso se torna meio difícil. Diferente do Cruzeiro, que começou a utilizar seus jovens no mesmo ano em que eles provaram sua qualidade na competição paulista, o Figueirense não dá chances aos seus pupilos, e amarga a décima nona colocação no Campeonato Brasileiro. Como desgraça pouca é bobagem, vê seu principal rival, o Avaí, subir pra primeira divisão, o que acarretaria em muita rivalidade, no caso do Figueira conseguir a manutenção na primeirona, ou muita chacota, na hipótese de queda. Será que esses garotos não merecem uma chance de mostrar sua qualidade, agora na reta final da competição?

O estranho é que os garotos, em sua maioria, até compõem o elenco do Figueira, porém suas oportunidades são poucas, vemos vários jogadores titulares errando, jogando mal e entregando pontos, e a pobre gurizada simplesmente aguentando o fato de simplesmente compor o "grupo". A equipe foi elogiada, e muito elogiada nos últimos anos (principalmente em 2006) pelas boas campanhas, e já complicou a vida de muitos grandes, como o Grêmio, que praticamente perdeu as esperanças de conquistar vaga na Libertadores ao perder pro time catarinense dentro de casa, de virada, em 2007, e que entregou a liderança ao São Paulo neste ano ao empatar, novamente dentro de casa, novamente com o Figueirense.

Será que esse time merece isso? Um clube que melhorou muito sua estrutura e que mostrou isso na Copa São Paulo. Um clube que chegou a sonhar com Libertadores em 2006 e que disputou uma final de Copa do Brasil em 2007. Com certeza não merece, e cabe a Mário Sérgio usar de seu bom senso e colocar a garotada pra jogar, ou apostar sempre no mesmo time e esperar por resultados que provavelmente não virão.

Um comentário:

FATV - Futebol Alternativo disse...

Cobrimos a copinha desse ano e foi uma das piores de nivel tecnico. o fato que comprova isso é que o vencedor era um time fraco e retranqueiro.

Acho que nada salva o figueira esse ano, nem se lançar os jovens vencedores do jogo contra o Rio Branco no nicolau alayon.